terça, 29 março 2011 07:01

Secretário de Estado das Águas propõe investimento nas águas subterrâneas

Sec_Investimentos_aguas 

O secretário de Estado das Águas, Luís Filipe, manifestou terça-feira ( 21 de Março de 2011), em Luanda, a necessidade de se investir com prioridade nas águas abaixo da superfície da terra (subterrâneas), por ser de qualidade e uma alternativa viável aos consumidores.
Em alusão ao 22 de Março, Dia Mundial da Água, Luís Filipe referiu que Angola dispõe de mananciais importantes de águas subterrâneas, assim como de recursos hídricos na superfície da terra em condições para o consumo humano e para a indústria. Temos recursos hídricos que são suficientes e serão suficientes nos próximos anos, para satisfazer as necessidades existenciais”, garantiu o secretário de Estado das Águas do Ministério da Energia e Águas.
Segundo o responsável, há em Angola uma satisfatória distribuição de águas na maioria das províncias, as quais dispõem de recursos hídricos, em rios, alguns de grande caudal, bem como de nascentes de água potável e mineral com qualidade.
Na óptica de Luís Filipe, a exploração das águas subterrâneas constitui uma das alternativas para o satisfatório abastecimento de água à província do Cunene, em particular, devido à questão do gado e ao facto da utilização das águas superficiais não ser possível em condições económicas satisfatórias.

Quanto à carência de água na zona rural, a fonte mencionou que o Ministério da Energia e Águas trabalha com o Ministério da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas na execução de reservatórios de água, com vista a se minimizar a insuficiência do recurso.
O 22 de Março, o Dia Mundial da Água, foi instituído pela Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), com o objectivo de chamar a atenção da sociedade para a questão da escassez desse importante bem natural e, consequentemente, buscar soluções para o problema.
A comemoração do Dia Mundial da Água traz um alerta, pois, segundo dados da ONU, prevê-se que, em 2050, dois biliões de pessoas sofrerão com a escassez de recursos hídricos. Apenas três porcentos de toda a água terrestre é própria para consumo.
A água é o elemento que deu origem e sustenta a vida no planeta Terra. Sem a água, nenhuma espécie vegetal ou animal, incluindo o homem, sobreviveria. Cerca de 70 porcento da alimentação e do corpo humano são constituídos por água. Os cientistas calculam o seu volume total em 1,42 biliões de quilómetros, cuja maior parte (95,1 porcento) está composta pelas águas salgadas dos mares e oceanos. Os 4,9 porcento restantes constituem a água doce, distribuída entre as geleiras polares, que ocupam 97 desse precioso volume, e a água na forma líquida, disponível para o uso, cujo volume é estimado em pouco mais de dois milhões de quilómetros.

Modificado em terça, 29 março 2011 07:06